Tomando Fôlego

Leva apenas cerca de 23 segundos. Assim que suas mãos tocam a água, rapidamente seguidas pelo resto do seu corpo, é como se ele tivesse entrado no seu elemento. Seus braços e pernas parecem, para quem vê de fora, se mover por conta própria. Sua cabeça, virando para baixo e para o lado, poderia muito bem ser interpretada como um sinal de alguém lutando para respirar. Mas ele está em completo controle do seu corpo, cada movimento consequência de muitas horas de treino. Continuar lendo

Carpintaria

Ela era calmo. Ele era sempre calmo. Ele andava e se movia e falava como se o tempo fosse pouco mais que um conceito abstrato. E, se pararmos para pensar, de fato não é? É verdade, ele estava pra lá dos seus setenta, mas eu não consigo imagina-lo sendo diferente enquanto jovem. Foi um prazer cuidar dele. Entre todas as histórias que se ouve de idosos molestando e humilhando seus cuidadores, é fácil ficar preocupada. Mas ele não era nem um pouco assim. Além de supervisionar as medidas de segurança quando ele trabalhava, a maior parte do tempo com ele era bastante agradável. Ele tinha um jeito se de fazer mínimo, de ser só o essencial, quase como se não estivesse lá. Continuar lendo

Interior

Ele está sentado no chão do escritório do seu apartamento, as pernas cruzadas uma sobre a outra, suas mãos gentilmente colocadas no colo. Ele respira profunda e vagarosamente, numa cadência tal que simplesmente ouvi-lo traria calma a qualquer um. Há um som no ambiente, um cântico, tão baixo que quase não é possível ouvir. Depois de quase um mês de prática, Liam finalmente consegue entender como deixar sua mente vagar, simplesmente acompanhar o fluxo e experimentar a plena consciência que tinha tanto desejo de alcançar. Continuar lendo

Longe

Eu me lembro de jogar queimada com a minha sobrinha no quintal da casa de veraneio do meu irmão. Ela tinha cinco ou seis anos, e corria e pulava como se sua vida fosse acabar se a bola a atingisse. Era ali, bem ali. Eu acho. É difícil dizer com certeza, milhares de quilômetros acima do solo, no limite do que podemos chamar de Planeta Terra. Continuar lendo